Bem-vindo à Mundo Offshore

0 69

Bem-vindo à Mundo Offshore em português

Há uma maldição chinesa que diz: Espero que você viva tempos interessantes. Para melhor ou pior, gostemos ou não, esses momentos “interessantes” já fazem parte de nossa realidade diária.

Atualmente, o continente europeu e o continente americano, ambos considerados por muitos como a “terra da liberdade”, estão sendo saqueados por um sistema tributário selvagem e extorsivo, um socialismo desenfreado e crescentes conflitos sociais. Enquanto isso, a República Popular Chinesa está poluindo o mundo, pisando impiedosamente nos direitos humanos. A OCDE, através de suas iniciativas para compartilhar informação financeira, está perseguindo os ricos, a fim de remover os últimos enclaves do capitalismo livre. Portanto, aparentemente, todos aqueles que buscam liberdade pessoal e financeira não têm ninguém a quem recorrer.

A humanidade parece, nestes tempos tão “interessantes”, estar lutando desesperadamente por sua liberdade, lutas que poderiam, num futuro não muito distante, se tornar em uma autêntica guerra. Infelizmente, algumas dessas guerras já são uma realidade nos territórios da África, Europa, Ásia e América Latina, e também se refletem na quase guerra civil nos EUA.

Esses eventos globais, essas crises financeiras, essas taxas de impostos exorbitantes, elevam-se acima do homem como uma ameaça esmagadora, parece não haver solução melhor do que se esconder debaixo da cama, se agarrar à esperança de que a tempestade passe sem deixar maiores danos para trás. Em tempos em que o ritmo de vida é tão rápido, onde mal podemos pensar sobre o que vamos preparar para o almoço, quem pode encontrar tempo para meditar em questões de liberdade pessoal e financeira?

Mas esconder a cabeça debaixo da terra está longe de ser a solução para o problema. Sem ir muito longe, há apenas cerca de oitenta e cinco anos, o continente europeu foi dilacerado por uma sangrenta guerra entre duas forças obscuras, o nacional-socialismo dos nazistas, por um lado, e o comunismo, por outro. Nesses tempos nefastos, muitos europeus fugiram para o continente americano em busca de liberdade e um futuro melhor.

Hoje em dia, no entanto, o comunismo, o socialismo e o nacional socialismo são comuns na América Latina. Países como Venezuela, Equador e Cuba confiscaram abertamente a propriedade dos outros e cometeram violações contra os direitos humanos. A Guatemala, por exemplo, é uma sociedade feudal, dirigida por uma pequena elite de clãs familiares, e a Colômbia tem sido o local de uma fusão macabra entre grupos guerrilheiros de esquerda e grupos governamentais de direita. Combinação sinistra, que inevitavelmente continuará a profanar os valores e direitos dos seres humanos. Aparentemente, o “Big Brother” está em toda parte, e há poucas sociedades na terra que escapam de sua implacável vigilância, onde você ainda pode fazer uso do livre arbítrio econômico e social.

E essa é a razão pela qual estamos aqui. Nós, que fazemos Mundo Offshore, estamos comprometidos com a filosofia da liberdade. Esta filosofia reuniu muitos dos mais importantes escritores, acadêmicos, artistas e empresários do mundo. E já que estamos no assunto, gostaria de mencionar um dos maiores e mais inspiradores filósofos e escritores desse movimento. Estou falando de uma mulher, o nome dela é Ayn Rand.

Ayn Rand era uma famosa escritora americana de origem russo judaica, que discordava da opressão comunista. Ela fundou uma nova filosofia chamada objetivismo, que propõe a criação de um pequeno governo libertário, livre de impostos e planos de assistência social.

Rand concebeu o ser humano como uma criatura individualista por natureza, cujo objetivo é atingir seu potencial mais elevado sem a interferência de instituições externas como o Estado. Segundo essa filosofia, formas de organização social como o comunismo, o fascismo ou o governo vigilante, “big brother”, são injustas, pois comprometem o direito à liberdade de todo ser humano.

Em seu romance Atlas Shrugged, conhecido como A Revolta de Atlas em português, Rand previu a degradação moral, social e financeira dos Estados Unidos. Os heróis desse romance, escrito em 1956, são empresários, inventores e pensadores livres, que estão sendo sufocados por uma sociedade que procura forçá-los a ser menos do que podem ser, afogando-os em regulamentações excessivas e altos impostos. No fim do romance, enquanto os EUA desmoronam sob o peso de seu sistema insustentável, alguns destes heróis conseguem escapar para uma ilha com fontes de energia não contaminadas, onde o sistema monetário seguia o padrão-ouro, não existiam impostos e governava o sistema capitalista puro sem regulações.

As obras de Ayn Rand inspiraram movimentos como o PT (perpetual traveler ou viajante perpétuo). Este último é um movimento de empresários, que organizam seus negócios e finanças de tal maneira que nunca estão sob o controle fiscal ou administrativo de qualquer governo. Outro movimento inspirado em Rand é o five flag principle, que é um sistema projetado para aqueles que desejam proteger seus ativos da influência do “Big Brother”. O leitor pode aprender mais sobre esse assunto, na entrevista com o editor da Q Wealth, que é um verdadeiro “viajante perpétuo” e, por sua vez, um seguidor do five flag principle.

Nós, que criamos a Mundo Offshore, reunimos muitos especialistas em finanças, legislação e sistemas bancários. Nosso propósito é ajudar todos aqueles que não têm medo de tirar a cabeça de debaixo da terra para lutar por sua liberdade, para todos aqueles que querem construir sua própria ilha financeira e pessoal, sua própria arca de Noé no meio deste dilúvio, que não é outro senão o colapso social e financeiro dos sistemas atuais.

Se você é um desses, é com enorme prazer que estamos aqui para ajudá-lo e também para receber seus comentários e sugestões.

Caso você precise de mais informações, não hesite em contatar-nos e entraremos imediatamente em contato com os especialistas que escrevem em nosso site, ou com aquelas pessoas que possuem conhecimento profundo no assunto que lhe interessar.

Mundo Offshore lhes dá uma calorosa recepção.

Comentários
WhatsApp chat