Agora é possível obter uma segunda cidadania em Vanuatu com Bitcoin

0 75

Qualquer um que investiu com sucesso na criptomoeda Bitcoin e foi capaz de aumentar significativamente o investimento inicial, agora pode usar o dinheiro obtido com Bitcoins para expandir seus horizontes e obter o melhor seguro do mundo: um segundo passaporte. Siga lendo este artigo, e encontre como você pode rapidamente obter uma segunda cidadania para investir na ilha estado de Vanuatu no Oceano Pacífico.

Você possui alguns Bitcoins extras que podem deixar sua carteira digital? Quer se estabelecer em um lugar paradisíaco? Temos boas notícias para você! Agora, uma criptomoeda digital pode ser usada, legalmente, para obter um segundo passaporte em um país, insular e tropical, no menor tempo possível.

Novas regras e pré-requisitos

Caso tenha Bitcoins suficientes, você pode obter um segundo passaporte e a cidadania nesse país insular no Pacífico chamado Vanuatu. As autoridades nesta jurisdição, no início de 2017, retomou o programa local de cidadania por investimento, e, em outubro de 2017, também ofereceu aos participantes deste programa um método único para pagamento com Bitcoins.

Estrangeiros podem usar criptomoedas voláteis para solicitar o registro de cidadania investimento se eles estão dispostos a pagar o equivalente a U$ 280.000. A aplicação pode abranger tanto o investidor individual como sua família, incluindo até quatro pessoas: o requerente, cônjuge e dois filhos (ou outros dependentes financeiros do requerente principal ou cônjuge).

Dado que a taxa de câmbio de Bitcoins se encontra acima de U$ 5.000 há vários meses (mais de cinco vezes maior do que o valor da moeda em relação ao dólar no início de 2017), o passaporte de Vanuatu agora custa menos de 56 Bitcoins.

As emendas correspondentes na legislação de Vanuatu já foram feitas pelo governo do país do Pacífico, o que foi confirmado pelo secretário parlamentar do primeiro-ministro Andrew Solomon Napuat em uma carta oficial.

Vanuatu não é o único estado insular oferecendo aos estrangeiros a oportunidade de requerer cidadania por investimento. A lista de países com programas de cidadania por investimento incluem: Antígua, Granada, São Cristóvão e Nevis, assim como muitas outras jurisdições. Mas as autoridades de Vanuatu foram as primeiras a permitir aos candidatos à cidadania econômica realizar pagamentos via Bitcoin.

Apesar de que, no passado, outras jurisdições haverem considerado permitir pagamentos para o registro da cidadania econômica com Bitcoins, tais esforços não foram concluídos até agora devido à falta de vontade política. No entanto, o governo de Vanuatu conseguiu. O país mostrou o desejo de estar na vanguarda do progresso tecnológico e ativamente introduzir inovações, encorajando a implementação de pagamentos ao abrigo do programa de cidadania econômica em Bitcoins.

Neste contexto, deve ser notado que alguns especialistas desconfiam do uso de criptomoedas em transações financeiras, demonstrando a preocupação de que esta ferramenta pode ser usada por pessoas não confiáveis. Mas, na verdade, o oposto que é verdadeiro, já que as operações criptográficas com essa moeda são feitas usando um registro totalmente rastreável, que reflete todas as ações anteriores do usuário.

Os autores desta iniciativa dizem que, além dos controles de rotina para a confiabilidade (due diligence, em inglês), etapa necessária para obter a cidadania de Vanuatu através de um investimento, todas as transações através de Bitcoins devem ser realizadas através da Bolsa de Valores da Austrália (Australian Exchange, em inglês), e devem cumprir integralmente as exigências regulatórios do Regulador Financeiro da Austrália  (Australian Financial Regulator, em inglês).

Portanto, a abordagem inovadora para fazer pagamentos no âmbito do programa de cidadania econômica em Vanuatu usando Bitcoin permite um maior controle do processo de seleção de candidatos não-confiáveis. Ao mesmo tempo, esta iniciativa proporcionará aos investidores uma imensa flexibilidade, uma qualidade necessária no mundo, onde as transações financeiras internacionais se tornam cada vez mais complexas.


Obtenha um segundo passaporte em Vanuatu e proteja seu legado


Bahia de Champagne , Espiritu Santo, Vanuatu

Cidadania em Vanuatu com Bitcoin, vantagens e desvantagens

Para ajudar os leitores a tomar uma decisão informada, sobre a possibilidade, de se requerer a cidadania econômica de Vanuatu utilizando seus Bitcoins, analisaremos todas as vantagens e desvantagens de possuir um segundo passaporte neste país.

 

Frequentes desastres naturais

Percebemos imediatamente que Vanuatu, o arquipélago no sul do Oceano Pacífico, que consiste de cerca de oito dezenas de ilhas, não é o melhor lugar para residência e trabalho permanente (mesmo remoto), devido a erupções vulcânicas periódicas, terremotos e tsunamis.

Como o investimento em criptomoedas, a vida tropical em Vanuatu é repleta de certos riscos. Por exemplo, há alguns meses atrás, os moradores e visitantes do país tropical tiveram de ser evacuados com urgência. A evacuação afetou o norte da ilha de Ambae, onde o vulcão Voui Manaro entrou em atividade, começou a erupção jogando vapor e pedras pelos ares.

No entanto, muitos resorts em Vanuatu podem surpreender até mesmo os mais experientes viajantes. Este é o lugar ideal para descansar com qualidade no curto prazo. Ao mesmo tempo, o passaporte desse país do Pacífico é uma ferramenta muito útil para os empresários internacionais e viajantes ativos.

 

Uma excelente ajuda para os viajantes

O passaporte de Vanuatu está incluído entre os 40 passaportes “mais fortes” do mundo em termos de vistos para viagens internacionais. Em particular, com a ajuda de Vanuatu passaporte é possível visitar o território de todos os países signatários do acordo de Schengen e os Estados membros da UE, sem precisar requerer com antecedência vistos de entrada. Este documento também permite visitar o Reino Unido sem vistos, e simplificar o procedimento de emissão de vistos de turismo para a Austrália.

 

O país mais feliz

Além do mais, Vanuatu ocupa a quarta posição no ranking mundial dos países mais felizes de acordo com a New Economics Foundation y Friends of the Earth. Na verdade, este país ficou em primeiro lugar quando a classificação foi publicado pela primeira vez em 2006, mas, como os caprichos do mercado, a felicidade também sofre variações.

Esta classificação leva em conta fatores como expectativa de vida, desigualdade de renda e o nível de impacto negativo dos residentes na situação ambiental. A ideia não é tanto uma avaliação do nível de felicidade de cada indivíduo, mas uma medida um tanto subjetiva de quão eficaz e racional é a utilização dos recursos de um pais, para que os cidadãos tenham uma vida longa e feliz.

 

Velocidade de requisição

Vanuatu está na segunda posição em termos de rapidez na requisição da cidadania por investimentos no mundo. O procedimento para a emissão da cidadania econômica e passaporte por investimento neste país leva, apenas, cerca de um mês e meio.

Durante este tempo, os funcionários, com o apoio de agentes licenciados, têm tempo para verificar o pacote de documentos do candidato, avaliar a sua conformidade durante a averiguação de diligência devida (due dilligence, em inglês), controlar o cumprimento das obrigações financeiras do candidato e resolver muitos outros procedimentos.

Os participantes dos programas de cidadania econômica em outros países não podem contar com a mesma velocidade. Por exemplo, para obter a cidadania de Antígua, o procedimento pode demorar um trimestre, enquanto o processo para cidadania econômica em Malta leva mais de um ano.

 

Uma excelente maneira para receber em Bitcoins sem pagar impostos adicionais

Outra vantagem de requerer a cidadania econômica em Vanuatu através da criptomoeda é a oportunidade para trocar esse dinheiro eletrônico, sem problemas, diretamente por bens reais e ferramentas muito úteis.

Muitos investidores, os primeiros a investir em Bitcoins, foram bem sucedidos e gostariam de obter parte dessa renda, evitando, assim, os impostos sobre ganhos de capital. Idealmente, querem transformar sua criptomoeda em ativos tangíveis em jurisdições com impostos baixos. Tal jurisdição é Vanuatu.

Até agora, a lista de ativos disponíveis para esses investidores têm sido limitada. Mas, agora, com a criptomoeda, você pode obter a cidadania econômica. E dado que a República de Vanuatu se tornou o único país que oferece a cidadania com Bitcoins, se pode dizer com certeza que, no curto prazo, haverá um aumento acentuado no interesse pelo programa de cidadania econômica local.

 

Impostos baixos e excelentes oportunidades de lazer

Cidadania da Vanuatu também oferece muitas outras vantagens. No país não há imposto sobre renda nem herança. A legislação local também fornece uma carga tributária bastante baixa para entidades empresariais.

Além disso, o arquipélago tem excelentes oportunidades para mergulho. Fãs de mergulho deverão apreciar o fato de que, dentro da área marítima deste país, está um dos maiores navios submersos mundo.

Se trata do “SS President Coolidge” que afundou durante a Segunda Guerra Mundial e agora está coberto de densos recifes de corais, que se tornaram um habitat para inúmeros representantes da fauna oceânica.

Dado que o país é composto por cerca de oito dezenas de ilhas de diferentes tamanhos, enquanto sua população é relativamente pequena (cerca de 290.000 pessoas), se desejar, poderá obter sua própria ilha em Vanuatu. É possível construir uma casa em um terreno livre, ou comprar uma ilha completamente desabitada e transformá-la em seu próprio domínio privado.

A análise de uma série de sites de imobiliárias, mostrou que a ilha mais barata no mercado imobiliário de Vanuatu é, atualmente, Lenur, que custa cerca de U$ 645.000. Com esse dinheiro, você receberá várias dezenas de hectares de terra, incluindo três praias, várias cabines e uma cozinha aberta. A maior parte da ilha é coberta por coqueiros, árvores frutíferas e de nozes.

O estado de Vanuatu é conhecido por suas praias desertas e cultura antiga. As ilhas do arquipélago, espalhadas no Oceano Pacífico, tem uma área de aproximadamente 4.000 quilômetros quadrados, enquanto a área total da jurisdição, tendo em conta a zona marítima e as águas territoriais, é de aproximadamente 12.274 quilômetros quadrados. Além dos vários vulcões ativos em Vanuatu, existem numerosas florestas tropicais integrados em um ecossistema separado.

Se está procurando um clima mais quente que na Rússia, Ucrânia ou Bielorussia, com certeza você vai encontrar em Vanuatu. Este país tem um clima tropical, e cerca de nove meses de clima quente ou temperado, somente será necessário tolerar os restantes três meses de clima frio e seco.

Vanuatu é também membro da Commonwealth britânica, uma organização intergovernamental composta por 52 estados membros, a maioria dos quais são ex-colônias britânicas. A adesão a esta organização, permite a jurisdição do Pacífico receber assistência técnica e financeira, e apoio na arena política global, sempre que necessário.


Entre em contato conosco e solicite uma consulta personalizada e gratuita sobre todos os nossos serviços

Comentários
WhatsApp chat