Quais são as Vantagens e Desvantagens dos Bancos Offshore?

0 93
Por Luigi Wewege

Os bancos offshore continuam ganhando popularidade. Nas décadas passadas, isso era visto como algo reservado para especialistas financeiros qualificados, grandes corporações, ou os super-ricos.

Hoje, a oportunidade de realizar transações em bancos offshore ou internacionais está mais acessível do que nunca. Embora tenha muitas vantagens, há também alguns inconvenientes que vale a pena considerar. Veja mais de perto os prós e contras dos bancos offshore.

Vantagem: Incentivos Fiscais

Uma das principais razões pelas quais os investidores transferem suas contas bancárias para bancos offshore é para aproveitar os benefícios fiscais. Em algumas nações, as taxas de impostos são extremamente favoráveis aos investidores. Os países offshore entendem que esta é uma maneira engenhosa de atrair riqueza, resultando numa relação ganha-ganha para o país e para os investidores estrangeiros.

Desde que os investidores não participem no comércio local ou ganhem dinheiro no país, seus bens geralmente não estão sujeitos às leis fiscais locais. Isso pode significar uma redução no imposto sobre o rendimento, imposto corporativo, imposto sobre ganhos ou imposto sobre a propriedade, entre outros.

Embora os incentivos fiscais não sejam a única razão para usar um banco offshore, são definitivamente uma vantagem. Tenha em mente que os benefícios fiscais variam de um país para o outro, e nem todas as jurisdições oferecem os mesmos incentivos aos investidores estrangeiros.

 

Uma das principais razões pelas quais os investidores movimentam suas contas bancárias no exterior é aproveitar os benefícios fiscais.

Vantagem: Melhor Proteção dos Ativos

O banco Offshore cria diversas formas para que os indivíduos possam proteger melhor os seus ativos. É claro, simplesmente ter seus ativos líquidos armazenados no exterior em uma conta tradicional ou de poupança é um grande começo. No entanto, você também pode ramificar e explorar outras estruturas para a proteção de ativos.

Muitas pessoas, por exemplo, buscam por fideicomissos ou estruturas de fundos. Eles podem ser uma peça fundamental do planejamento patrimonial e também podem preservar e proteger os ativos existentes, enquanto aproveitam os benefícios fiscais. Ao distanciar você mesmo de seus bens, sem perder o controle sobre como eles são geridos, você pode garantir uma melhor proteção para eles e para si mesmo.

Além disso, muitos bancos offshore e países bancários visam proteger os ativos dos investidores e ter um sistema legal que funcione em benefício do indivíduo.

Vantagem: Menor Vulnerabilidade e Maior Diversificação 

Onde quer que você escolha realizar suas atividades bancárias, sempre há riscos inerentes. A nível interno, há fatores políticos e econômicos a serem considerados, e estes estendem-se também para os bancos offshore. No entanto, realizar transações bancárias offshore pode diminuir a sua vulnerabilidade porque aumenta a sua diversificação.

Pergunte a qualquer estudante universitário matriculado em seu primeiro curso de economia ou finanças, e eles dirão que a diversificação é crucial. Ao guardar todos os ovos num mesmo cesto, por assim dizer, você está se colocando em um risco desnecessário.

Agora, imagine que os Estados Unidos, ou onde quer que você atualmente viva ou realize suas transações bancárias, seja esse cesto. Você pode estar diversificando suas propriedades, mas está adicionando diversidade geográfica à mistura? Utilizar um banco offshore significa espalhar sua riqueza, criar uma rede de segurança financeira e reduzir sua vulnerabilidade de uma forma significativa.

Vantagem: Maior Privacidade e Anonimato 

Outra das razões mais populares para considerar o banco offshore é uma maior privacidade. Há muitas, muitas razões diferentes pelas quais as pessoas possam não querer que cada uma de suas decisões financeiras sejam tornadas públicas. Quando você utiliza um banco offshore, você pode aproveitar uma maior privacidade financeira, confidencialidade e anonimato, se desejar.

Tenha em mente que esta maior privacidade não significa que você está abrindo uma conta bancária em segredo. Em vez disso, significa que o banco offshore onde você é cliente assume o fardo de confirmar a sua identidade e o seu local de residência. Então, eles podem verificar a sua posição perante as entidades legalmente impostas, ao mesmo tempo que protegem os detalhes de quem você é.

Esse tipo de proteção pode permitir que você compre mais ações de uma mesma empresa ou simplesmente mantenha seus negócios financeiros privados. Isso se aplica às atividades que vão desde a criação de uma conta de poupança offshore até o estabelecimento de um grande fideicomisso para as futuras gerações de beneficiários. 


Índice de liquidez – O Que é e Porque é Importante


Desvantagem: Possíveis Custos Adicionais 

Embora existam claramente muitas vantagens importantes para se usar um banco offshore, uma das desvantagens poderia ser uma mudança nos seus custos bancários. No entanto, é importante saber que isto não é universal.

Em algumas jurisdições, o custo de um banco offshore pode ser realmente menor do que o que você está acostumado internamente. No entanto, é sempre uma boa ideia comparar os custos e estar ciente de quaisquer taxas que possam surgir.

Ao mesmo tempo, considere se a sua escolha de banco offshore tem algum requisito mínimo de depósito. Ao abrir uma conta bancária internamente, a maioria dos clientes pode ter a conta corrente ou poupança com menos de 100 dólares. Quando se trata de um banco offshore, prepare-se para um depósito mínimo muito maior, e verifique isso com o seu banco de preferência no início do processo para evitar qualquer possível decepção. 

Desvantagem: Pesquisa Necessária para Encontrar a Localização e o Banco Offshore Certos

Uma desvantagem do banco offshore é que o termo banco offshore se refere a uma grande variedade de serviços, locais e bancos. Há muitas diferenças entre abrir uma conta poupança em Tóquio e estabelecer um fideicomisso offshore em Belize.

Para descobrir qual o banco offshore certo para você, pode ser necessária uma avaliação e pesquisa pessoal. Por exemplo:

  • Você está mais preocupado com a estabilidade a longo prazo ou com benefícios a curto prazo?
  • Quer um banco offshore para aumentar a sua riqueza ou para preservar os seus bens para as gerações futuras?
  • Planeja estabelecer um fideicomisso e não se preocupar com ele, ou precisa de acesso online regular a uma conta corrente offshore?

Você também terá que comparar os vários benefícios dos bancos offshore em vários locais para determinar qual é a melhor jurisdição para suas necessidades.

Estas são apenas alguns fatores a se considerar quando se escolhe o banco em um país estrangeiro.

Desvantagem: Percepção Pública Desatualizada em Relação aos Bancos Offshore 

Nos últimos anos, aqueles que possuem contas em bancos offshore são vistos de diversas formas. Embora atualmente os bancos offshore são usados por pessoas de todos os tipos, essa velha reputação pode ainda existir. Por mais que isso não deva ter impacto na sua decisão de escolher um banco offshore, é algo que você deve estar ciente.

Hoje em dia, as operações bancárias offshore são totalmente legais e legítimas. Aqueles que operam em bancos no exterior seguem as leis de transparência e regulamentação, quando aplicáveis, e as transações são completamente transparentes. Conforme cada vez mais pessoas vêem os benefícios dos bancos offshore, iremos ver as atitudes e percepções sobre isso, por parte daqueles menos informados, se tornarem cada vez mais positivas.

Dando o Primeiro Passo com o Banco Offshore

Depois de ponderar os prós e os contras, você deve estar pronto para começar a fazer operações offshore. Essa é uma grande decisão, e pode oferecer uma série de importantes benefícios de privacidade, financeiros e de segurança. O próximo passo é determinar que tipo de serviços bancários offshore você pode precisar e qual é o destino bancário offshore ideal para você.

Entre em contato para solicitar uma consulta gratuita


Luigi Wewege é o vice-presidente de um dos bancos mais prestigiados de Belize. Ele publicou o livro “The Digital Banking Revolution” e também é co-autor de uma investigação apresentada ao Congresso dos EUA. Além de escrever para a Mundo Offshore, Luigi é instrutor na escola FinTech e palestrante no Centro de Inovação do Vale do Silício. Ele possui diploma com especialização em negócios internacionais e mestrado triplo em Finanças, Negócios Internacionais e Administração pela University of Missouri-St. Louis.
Comentários
WhatsApp chat